Síndrome Linfoproliferativa Ligada ao X (X-linked lymphoproliferative syndrome - XLP), também conhecida como síndrome de Duncan, é uma doença rara e fatal que afecta apenas rapazes. Até hoje só foram diagnosticadas cerca de 100 famílias e mais de 400 rapazes em todo o mundo. Contudo, é provável que existam muitos mais casos em que faltou um diagnóstico correcto.

A XLP pode ter vários sintomas, incluindo: febre glandular grave, cancro do sangue (linfoma) e incapacidade para combater infecções e, por vezes, anemia grave. 70 % dos indivíduos com XLP morrem por volta dos 10 anos de idade sem qualquer tratamento. A causa desta condição só foi descoberta em 1998, por conseguinte há ainda muito a aprender.A melhor "prevenção" consiste no reforço regular de medicamentos anti-virais, terapia com imunoglobulina ou esteróides, porém estes não constituem uma cura. Actualmente, a única cura possível consiste no transplante de medula óssea, efectivamente na substituição do sistema imunitário deficiente.Contudo, com os avanços em genética, uma cura potencial poderá estar apenas a alguns anos de distância.


Fundada em 2005, o Fundo de Investigação da XLP existe para

  • Promover e financiar a investigação da causa, gestão, sintomas e cura da XLP
  • Proporcionar um ponto de contacto e apoio para famílias afectadas pela XLP
  • Divulgar a XLP entre os profissionais de medicina e público em geral